09
Abr 09

 

Vem um POLITICO e, chegando ao batel infernal, diz:

 

Pol. Pera onde caminhais?

Dia. Pera ilha perdida.Embarcai. Hou! Embarcai.

Pol. Que mal eu fiz pera ir pera ilha perdida.

Dia. Foste tu um corrupto na outra vida.

Pol. Que falas tu? Mais quisera eu lá estar Pera mais regras decidir.

Dia. Pera qui? Não as cumpriste tu.

Pol. Farto disto estou…

 

Vai o Politico ao batel da glória e diz:

 

Pol. Hou da barca! Houlá! Hou!

Anj. Que queres tu à Divina Graça?

Pol. Embarcar nesta barca.

Anj. Porque havereis tu de embarcar?

Pol. Porque fui eu um grande Gestor na outra vida.

Anj. Foste também na outra vida uma pessoa oportunista. Não vindes vós de maneira pera ir neste navio.

 

E chama o Diabo com o sorriso manhoso:

 

Dia. Á barca, á barca, houlá! Embarca! Remarás!

Pol. Todavia…

Dia. Per forç’é! Que tepês, cá entrarás!

Pol. Não tenho outra saída.

 

Acaba por embarcar o Politico no batel e começa a remar.

publicado por andreiasofias7 às 19:00

Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

27
28
30


mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

links
blogs SAPO